Pastéis de nata já chegaram à Rússia

6 Fev

Pastéis de nata já chegaram à Rússia

São um dos mais tradicionais e apreciados símbolos da doçaria portuguesa e acabam de chegar à Rússia. Apaixonado pelo sabor nacional, um empresário daquele país decidiu apostar nos pastéis de nata e abriu, em Moscovo, uma empresa destinada a lançar esta iguaria no mercado russo.

A empresa “PasteldeNata” nasceu pela mão de Vadim Chernyshov e dos seus três sócios em resultado do gosto por este doce tipicamente português e começou a produzir no passado dia 12 de Janeiro.

“A nossa fábrica está dotada de equipamentos portugueses, especificamente importados de Portugal, às empresas Ferneto e Ramalhos, para garantir a conformidade com todos os padrões tecnológicos do pastel de nata”, explicou Vadim Chernyshov em declarações à AICEP Moscovo.

Em entrevista à Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal, Chernyshov contou que o interesse pelo pastel de nata o levou a fazer uma formação específica no nosso país com o objetivo de aprender todos os truques da sua confeção e de conseguir um produto fiel ao original.

“O segredo dos pastéis de nata está na qualidade da massa e no modo de fabrico. Tentamos fazer exatamente com a mesma qualidade dos que são confecionados em Portugal”, garantiu.

No site oficial da empresa – em russo – é possível conhecer a história do pastel de nata, apresentado como um bolo português “incomum” e “delicioso” que é “um dos símbolos reconhecidos” da cozinha lusitana.

Por agora, a empresa produz 200 pastéis de nata por dia, mas, dentro de três meses, espera chegar a uma produção diária de 500 pastéis de nata. Até Setembro, a meta é “saltar” para as mil unidades por dia.

Embora esta seja ainda uma quantidade reduzida, em especial numa cidade com cerca de 15 milhões de habitantes e em que a maior parte da população desconhece a iguaria, a “PasteldeNata” tem conseguido, até ao momento, um bom desempenho.

De acordo com a AICEP Moscovo, a companhia já dispõe de contratos com empresas moscovitas de ‘catering’ e ambiciona, futuramente, vir a comercializar esta especialidade da doçaria portuguesa em redes de cafetaria russas.

The following two tabs change content below.
Todos os dias há acontecimentos positivos em Portugal e no mundo que devem ser destacados: essa é a função do Boas Notícias.

Poderá também gostar:

* 1 Estrela ** 2 Estrelas ** 3 Estrelas ** 4 Estrelas ** 5 Estrelas * (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...


Etiquetas: ,

Ainda ninguém comentou, seja o primeiro.

Deixe a sua opinião