Miami: Restaurante combina cozinha lusa e cubana

5 Nov

miami restaurante combina cozinha lusa e cubana
© Lisboa-Habana

É em Miami, nos EUA, que fica o “único restaurante do mundo” que junta gastronomia portuguesa e cubana. Gerido pelo luso Armando Areias e pelo sócio das Caraíbas, David Gonzalez, o ‘Lisboa-Habana’ abriu portas na zona de Hialeah e é já um sucesso naquela região da Florida.

Com 37 anos e natural de Guimarães, Armando Areias está nos EUA desde 1994. Depois de estudar gestão de empresas na Universidade de St. Thomas, trabalhou no restaurante ‘Old Lisbon’ até 2011. Começou como “moços de recados”, mas rapidamente passou a empregado de mesa e, mais tarde, a gerente.

Foi precisamente aí que conheceu David Gonzalez, com quem divide a propriedade do ‘Lisboa-Habana’. “Ele era nosso cliente e eu também costumava ir ao restaurante dele, o Boater’s Grill’. Com o tempo, começámos a falar de como apreciávamos a comida de cada um dos nossos países de origem e da ideia de fazermos algo juntos”, conta o português à Lusa.

Uma ideia que acabou por se concretizar quando, o ano passado, abriram as portas do ‘Lisboa-Habana’, com capacidade para cem pessoas. A convergência de culturas é palpável à mesa e fora dela. De um lado, o espaço é decorado por um mural do Mosteiro dos Jerónimos e, do outro, pelo El Capitolia, a anterior sede do governo cubano.

“Não conheço nenhum restaurante que junte as duas gastronomias como nós. Tenho a certeza de que somos únicos no mundo”, afirma Armando Areias. Prova disso é a ementa disponível, onde se juntam “os sabores de duas das melhores cozinhas do mundo”.

Há, por exemplo, pratos tradicionais portugueses como o bacalhau à Gomes de Sá, amêijoas à Bulhão Pato e sardinhas grelhadas, pratos cubanos como porco assado, peixe frito e Yuca com Mojo e ainda pratos criados pelos próprios sócios, que juntam os sabores dos dois países. Na carta de vinhos, também se encontram vinhos de ambas as origens.

“As pessoas estranham a combinação destas duas cozinhas e perguntam-nos sempre o que é que nos levou a fazê-lo. Nós fazemos questão de contar a história e a verdade é que, depois de provarem a comida, todos concordam connosco”, diz o gerente.

O português garante que, na sociedade multicultural de Miami, a fórmula é um sucesso. “Abrimos há cerca de um ano e já temos uma clientela fixa. Tem sido um sucesso. Estamos numa zona onde quase não existem portugueses, mas existem muitos cubanos. A maioria dos nossos clientes são cubanos e brasileiros. Mas também temos americanos e portugueses”, disse.

Segundo Armando Areias, o governador do estado, Jerry Brown, também já visitou o Lisboa-Habana várias vezes. Além disso, o sítio tem vindo a tornar-se uma referência para a comunidade cubana, devido a visitas frequentes de individualidades como o trompetista Arturo Sandoval.

Saiba mais sobre o ‘Lisboa-Habana’ AQUI.

The following two tabs change content below.
Todos os dias há acontecimentos positivos em Portugal e no mundo que devem ser destacados: essa é a função do Boas Notícias.

Poderá também gostar:

* 1 Estrela ** 2 Estrelas ** 3 Estrelas ** 4 Estrelas ** 5 Estrelas * (6 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...


Etiquetas: , ,

Ainda ninguém comentou, seja o primeiro.

Deixe a sua opinião